MonkeyBusiness
Peça o seu orçamento aqui!

Vídeo explicativo: como ele pode influenciar suas vendas

Um vídeo explicativo não se limita a ser um material didático: ele pode fazer toda a diferença para você fechar novos negócios. veja como utilizar esse tipo de vídeo para alavancar vendas:

Eliana aprendeu em um momento muito conturbado a importância de se ter um vídeo explicativo:

Acordando para um compromisso decisivo

Naquela segunda feira, Eliana acordou mais cedo. Sua capacidade para realizar coisas simples pela manhã, como tomar banho, escovar os dentes, trocar de roupa, pentear o cabelo e tomar café era praticamente nula, principalmente quando precisava acordar fora do seu horário corriqueiro. Portanto, levantar mais tarde era aceitável, acordar cedo era como se a tivessem levando para assistir aquele filme Avatar numa sessão tripla sem direito a pausa para ir ao banheiro.

Não era um dia como qualquer outro. Assim, naquele dia ela tinha uma apresentação, muito importante, para um cliente gringo sobre o principal serviço oferecido por sua empresa. Ela estava nervosa, tensa, agoniada, aflita, desesperada e tudo o mais que se poderia sentir de uma única vez. Enfim, terminou seu suco, escovou os dentes novamente e saiu. Decidira sair mais cedo para não ser pega pelas garrafas do amor bandido que era o trânsito de São Paulo.

Chegou na empresa com folga.

“Chegou cedo, Dona Eliana”, disse o manobrista.

“Hoje é dia de reunião”, respondeu Eliana. Queria tratar o moço pelo nome, mas não lembrava se ele chamava Alberto ou Adalberto. Era a sua cara chamar a pessoa de forma errada. Há certo tempo atrás passou duas semanas inteiras chamando a nova menina que sentava ao seu lado de Cecília, quando seu nome verdadeiro era Janaína.

Quando descobriu que Cecília não era Cecília, não sabia o que fazer a não ser sustentar o erro. Portanto, até hoje a chama de Cecília e sente um calafrio na espinha ao imaginar que ela pode se revoltar, jogar um copo d’água em sua cara e repreende-la por passar tanto tempo a chamando pelo nome errado.

Dessa forma, estacionou o carro, mas não desceu. Ficou lá dentro repassando seu discurso. Era a primeira grande oportunidade de mostrar seu trabalho, tudo teria de sair de acordo com o planejado. Então olhou para seu relógio, ainda tinha muito tempo até o início da reunião. Quando terminou de fazer sua breve lição, respirou fundo e se dirigiu a entrada do prédio. Subiu os elevadores em silêncio repetindo para si mentalmente que era capaz.

Enfim, ao abrir a porta, fora recepcionada por seu chefe que havia perdido o controle de tal forma que nem se ele fosse uma rua o Google Maps conseguiria encontra-lo novamente.

Tudo daria certo. Se não fosse…

“O cliente antecipou a reunião, já estão chegando. Não estou preparado! Não estamos preparados! Eu queria alinhar com você antes, eles nunca vão entender o que fazemos”, disparou no exato momento em que Eliana adentrou ao escritório.

“Vai sim, chefe, tenha calma”, respondeu. “Eu me preparei durante semanas para hoje, elaborei um bom material e estou com meu discurso na ponta da língua.”

“Mas será que nosso serviço é difícil para um gringo entender?”

Eliana trabalhava como benefícios para funcionários. Assim, o cliente com que teria uma reunião era de uma empresa norte-americana que estava chegando ao Brasil e precisava oferecer os benefícios estipulados pela legislação a seus funcionários. Eles teriam de explicar seu ramo de atuação de uma forma clara, objetiva e vendável.

“Ótimo, agora eu tenho um chefe nervoso para me deixar ainda mais calma”, pensou. Sentou-se em uma das cadeiras da extensa mesa da sala de reuniões e começou a pensar. Havia preparado uma boa apresentação para introduzir o possível cliente aos serviços que poderiam oferecer. Assim, ligou seu notebook, abriu a apresentação e começou a odiá-la. Após algum tempo julgando a beleza de seu trabalho, começou a matutar o que poderia ter feito para deixa-la melhor.

Uma solução surge quando tudo parecia perdido.

Eliana não sabia, mas existia algo bastante utilizado por empresas quando era necessário explicar algo de forma mais clara: o vídeo explicativo. Materiais completamente visuais com duração de 45 a 120 segundos, moldados especialmente para dar o recado de maneira bastante satisfatória e vendedora.

Diferente de um vídeo apenas tutorial, um vídeo explicativo apresenta a proposta e as principais vantagens de maneira mais sucinta e assertiva. Os vídeos explicativos podem ser elaborados em animações 2D, 3D ou motion design, sendo muito mais fácil de explicar as ideias, sem contar o custo-benefício. Hoje é mais barato e rápido produzir vídeos de qualidade.

“Eliana?”, ouviu alguém a chamar de longe. Estava com o rosto apoiado em uma das mãos, pensando na vida. Sua mente tinha ido longe, já havia parado de refletir sobre sua apresentação, estava pensando que precisava urgentemente pagar uma manicure. Ouviu seu nome novamente. E novamente. Até que aconteceu um contato imediato de terceiro grau. Seu chefe estava parado a seu lado cutucando seu ombro. Então ela voltou a si como quem imerge após um longo período de mergulho.

“O cliente chegou”.

Quanto tempo será que ela tinha ficado focada em seus pensamentos?

Levantou da cadeira, conectou o computador na televisão e se preparou para começar. Duas pessoas bem peculiares adentraram a sala. Se cruzasse com eles na rua, jamais diria que eram executivos de uma grande empresa dos Estados Unidos. O homem era baixo, encurvado, usava uma camisa, uma calça jeans e um sapato com gosto bastante duvidoso.

A mulher estava mais elegante. Alta, com um penteado que poderia ter demorado horas para terminar, um vestido com um caimento tão perfeito que parecia ter sido costurado em seu corpo, porém de aparência jovem. Muito jovem. Uns vinte anos no máximo.

Após um aperto de mão firme, Eliana se apresentou e começou a falar. Falou com determinação, sabia aquele conteúdo de trás para frente, nem precisava olhar para a tela. Se sentia confiante, poderosa, dona do negócio. Portanto, quando terminou, todos estavam em silêncio, um leve suor escorreu por sua testa. Se fosse um daqueles desenhos japoneses que seu irmão assistia, certamente teria uma gota escorrendo ao lado de seu rosto.

“Eu não entendi algumas partes, até anotei para podermos esclarecer”, disse a mulher.

Explicações. Às vezes, elas nunca são suficientes.

Eliana respirou fundo. Estava pronta para aquele momento. A mulher perguntou, Eliana respondeu. A mulher perguntou novamente, Eliana respondeu. O homem, que estava em silêncio com um semblante completamente sem expressão decidiu fazer perguntas também. Eliana, claro, respondeu. Se sentia dona do jogo. A bola estava em suas mãos. Ela poderia arremessar para onde quisesse.

Reunião encerrada. Eliana sentiu aquele gosto de satisfação. Satisfação que foi quebrada nos segundos a seguir, onde tudo aconteceu tão rápido que ela não conseguiu sentir a pancada.

“Obrigada pela reunião. Mas temos uma outra proposta e acreditamos que seja o que precisamos”, disse a mulher.

O gosto de satisfação, de doce Nutella foi para amargo jiló. O que teria acontecido? Ela tinha feito tudo certo. Olhou de relance para o chefe, mas não conseguiu identificar sua expressão. Seria demitida. Tinha certeza disso. Dessa forma ele acompanhou o casal até a saída e fez sinal para que ela esperasse. Com certeza já voltaria com aquele cara do RH do qual ela nunca sabia o nome também, ou era Roberto ou era Humberto. Essa sua mania de confundir nomes que não eram parecidos.

Ele demorou um minuto para retornar mas parecia uma eternidade. Quando chegou estava sozinho, fechou a porta e sentou-se.

“Não fique triste, essas coisas acontecem, são negócios. Mas você está de parabéns. Apresentou tudo muito bem. Para as próximas reuniões, vamos buscar opções que consigam vender nossos serviços de forma mais objetiva, tínhamos tudo o que eles precisavam, mas algo não ficou claro”. Levantou e saiu da sala.

Assim, Eliana ficou mais um tempo refletindo sobre o que acabara de acontecer. Abriu o notebook e digitou: “como não perder uma venda porque sua apresentação ficou muito ruim e você não tinha nada que ajudasse a vende-la ao cliente”.

Zero resultados. Como fazer um vídeo explicativo?

Refez a busca: “vídeo explicativo ajuda a vender um produto?”

Concluindo, ele encontrou um artigo do MonkeyBusiness, que explicava todos os benefícios de utilizar um vídeo explicativo para vender um produto ou serviço. Ela viu alguns exemplos de vídeo e percebeu que seria exatamente aquilo que a ajudaria na próxima reunião.

“Agora não vamos perder novamente”, afirmou.

 

Somos o MonkeyBusiness: Estúdio de Motion Design! Produtora de Vídeo, Estúdio de Animação e Agência de Apresentações Criativas. Apaixonados pelo poder de comunicação do Motion Design e especialistas em Vídeo Explicativo.

Conte com o MonkeyBusiness. Somos um estúdio de Motion Design completo. Uma Produtora de Vídeo de São Paulo. Um Estúdio de Animação. Uma Agência de Apresentações criativas.

Temos times de atendimento, planejamento, roteiro, direção de arte e motion design especialistas. Todos eles dedicados a criar vídeos, animações e apresentações. Com o objetivo de transformar conteúdo corporativo em audiovisual. Estamos prontos para trabalhar no seu próximo projeto em Motion Design. Seja ele em vídeo, animação ou apresentação. Clique aqui e vamos falar sobre sua próxima animação, vídeo ou apresentação!

MonkeyBusiness: seu estúdio de animação. Produtora de vídeo. E agência de apresentações criativas

Estúdio de animação. Produtora de vídeo. Agência de apresentações criativas com Motion Design. Acreditamos na estratégia, roteiro e motion design para uma comunicação mais eficiente, inteligente e, logicamente, animada. www.monkeybusiness.com.br. Veja mais nos nossos canais do Vimeo e Youtube.



® 2009 MonkeyBusiness LTDA

Estúdio de motion design de São Paulo SP
Produtora Audiovisual / Estúdio de animação / Agência de apresentações profissionais especializados em produção de vídeos, criação de animações e de apresentações criativas

Termos de uso / Privacidade
Fechar
Fechar
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade. Ou entre em contato diretamente pelo e-mail do nosso time de atendimento comercial especialistas em motion design corporativo aqui: contato@monkeybusiness-com-br.umbler.net.
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade.
WhatsApp

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.