MonkeyBusiness
Peça o seu orçamento aqui!

Oratória: trabalhando o contato visual em apresentações

Contato visual em apresentações: um dos pontos principais para seu sucesso. Saiba como trabalha-lo aqui:

As apresentações profissionais cada vez mais se mostram simples. Pois as características que as compõe são fáceis de trabalhar e compreender. Mas ao mesmo tempo complexas, pois a cada dia descobrimos (ou percebemos) detalhes que influenciam consideravelmente no resultado final. Um detalhe como contato visual em apresentações pode fazer toda a diferença na hora de vender sua ideia.

Se a audiência é grande ou pequena pouco importa. Até mesmo para quem tem medo de falar em público. A quantidade não importa, mas sim o momento de se expor publicamente (e, ainda mais, com as redes sociais, você pode se apresentar para uma pessoa apenas, e ela irá compartilhar com toda sua rede – não há como escapar). Quando a audiência é grande, você escolhe alguns pontos (pessoas) em quem focar durante a apresentação. E alterna entre elas, mas quando a audiência é pequena, essa abrangência diminui, e você passa a perceber melhor as reações de cada um.

Traçar um desenho visual: o segredo do contato visual em apresentações

Por isso é importante para o palestrante saber como trabalhar o contato visual em apresentações. Ele é uma das formas mais poderosas de se estabelecer conexão com a audiência. Existe um estudo que aponta o contato visual como eficiente arma para se “dominar” um ambiente, isto é, exercer presença sobre o local.

Caso contrário, o público ficará cada vez mais…

1

…desinteressado.

De acordo com a empresa Quantified Analytics, adultos realizam contato visual entre 30% e 60% do tempo em que estão falando (seja uma única pessoa ou um grupo). Essa frequência deveria estar entre 60% e 70% do tempo.

Por que isso acontece? Atualmente, a culpa está nos smartphones. Um dos principais responsáveis pela epidemia de solidão e narcisismo. Ainda mais quando a pessoa possui a mania de digitar enquanto alguém está falando com ela. A única impressão que passa é de que você (ou sua apresentação) não é interessante.

Desta forma, você precisa trabalhar sua postura para expressar uma imagem. E o contato visual em apresentações é o ponto principal para gerar conexão e se sentir…

2

…confiante.

Este perfil sabe como trabalhar a atenção e, ao mesmo tempo, descansar o olhar. Sim, é possível eventualmente desviar o olhar do palestrante para descansar a vista. É um reflexo natural do ser humano. Bem Decker, CEO da Decker Communications, sugere que o contato visual com uma única pessoa dure de 7 a 10 segundos e, com grandes grupos, de 3 a 5 segundos. Veja que manter o contato visual em apresentações mesmo com um público pequeno é muito importante.

E ainda existe outro estudo interessante sobre percepção/expressão de hierarquia, baseado em uma experiência no elevador: os mais influentes realizam mais contato visual, enquanto os menos influentes evitam.

Mas cuidado com o exagero, ou então você será um palestrante…

3

…assustador!

Resumindo o contato visual em apresentações:

Encarar permanentemente é irritante, e certamente coloca em ruínas qualquer chance de causar uma boa impressão. Sem contar que é totalmente distante de qualquer naturalidade do ser humano – nem os ninjas encaram por tanto tempo.

Lembre-se de variar o contato visual em apresentações quando estiver falando com um grupo de pessoas. Esta alternância servirá perfeitamente como o descanso do olhar para um ponto distinto. E ainda o ajudará a se movimentar no palco, variando a atenção e sendo mais dinâmico (ou então parecerá um estudante fazendo discurso de graduação, atrás do púlpito e sem se mexer).

Nada mais humano do que se relacionar visualmente com quem está falando. Afinal, nada mais humano, também, do que uma apresentação: exige de você um relacionamento social fora do mundo digital, e dá chance para criar diálogos.

Somos o MonkeyBusiness: Estúdio de Motion Design! Produtora de Vídeo, Estúdio de Animação e Agência de Apresentações Criativas. Apaixonados pelo poder de comunicação do Motion Design e especialistas em Apresentações Profissionais.

Conte com o MonkeyBusiness. Somos um estúdio de Motion Design completo. Uma Produtora de Vídeo de São Paulo. Um Estúdio de Animação. Uma Agência de Apresentações criativas.

Temos times de atendimento, planejamento, roteiro, direção de arte e motion design especialistas. Todos eles dedicados a criar vídeos, animações e apresentações. Com o objetivo de transformar conteúdo corporativo em audiovisual. Estamos prontos para trabalhar no seu próximo projeto em Motion Design. Seja ele em vídeo, animação ou apresentação. Clique aqui e vamos falar sobre sua próxima animação, vídeo ou apresentação!

MonkeyBusiness: seu estúdio de animação. Produtora de vídeo. E agência de apresentações criativas

Estúdio de animação. Produtora de vídeo. Agência de apresentações criativas com Motion Design. Acreditamos na estratégia, roteiro e motion design para uma comunicação mais eficiente, inteligente e, logicamente, animada. www.monkeybusiness.com.br. Veja mais nos nossos canais do Vimeo e Youtube.



® 2009 MonkeyBusiness LTDA

Estúdio de motion design de São Paulo SP
Produtora Audiovisual / Estúdio de animação / Agência de apresentações profissionais especializados em produção de vídeos, criação de animações e de apresentações criativas

Termos de uso / Privacidade
Fechar
Fechar
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade. Ou entre em contato diretamente pelo e-mail do nosso time de atendimento comercial especialistas em motion design corporativo aqui: contato@monkeybusiness-com-br.umbler.net.
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade.
WhatsApp

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.