MonkeyBusiness
Peça o seu orçamento aqui!

O que é inovação?

Houve um momento onde a inovação era o principal ingrediente para qualquer profissional em qualquer mercado de trabalho. E a célebre expressão “pensar fora da caixa” era espalhada aos quatro ventos. Em quase todas as conversas, como uma forma de incentivar as pessoas a inovarem e pensarem diferente do tradicional.

Minha perspectiva do assunto, tanto na visão macro quanto micro, sempre foi um tanto provocadora. Se todos estão pensando “fora da caixa”, não estariam todos pensando, novamente, da mesma maneira? Uma hora todos “saem” de suas caixas (uma analogia popular para indicar limitação de visão e pensamento), mas isso não significa inovação, certo?

Essa semana aconteceu o Innovation by Design. Conferência promovida pela Fast Company, onde um dos palestrantes era John Maeda, presidente da Rhode Island School of Design e design guru da Silicon Valley, que trouxe um pensamento que me chamou a atenção. Coloque o design no começo e não no final. Marco Franzolim, sócio fundador e diretor de criação do MonkeyBusiness, costuma fazer uma analogia sobre o “pós-conceito” que muitos criativos aplicam em seus trabalhos: muitos criativos atiram a flecha para, depois, pintarem o alvo.

O que é inovação para outras áreas?

Às vezes você precisa analisar o que todos estão fazendo. E não necessariamente seguir o caminho diferente, mas pensar em como melhorar a experiência e aquele produto. Como o Alex Atala, por exemplo, com sua incansável busca pela identidade brasileira na gastronomia, onde sua inovação não está necessariamente em encontrar alimentos desconhecidos popularmente, mas principalmente em tirar o melhor do que já conhecemos.

Sabe quem fazia muito isso? Steve Jobs. Ele buscava simplificar cada produto e serviço da Apple para manter apenas o necessário. Que respeitasse um dos princípios mais conhecidos do design: forma e função.

De acordo com Atala, às vezes criar não significa olhar pra frente, mas entender o passado. Às vezes. Ou seja, não existe uma regra, mas sim o entendimento de manter-se atento o suficiente para perceber quando o momento exige previsão (tentar enxergar o futuro). E quando exige rever tudo que existe (entender o passado). E esses momentos variam constantemente.

Como o guarda-chuva. Quem nunca teve problemas com um? Não que seja um problema recorrente, mas em um dia de forte ventania sempre existe a chance de ele inverter, por exemplo. Atualmente encontrei no Kickstarter o projeto chamado Sa:

Dentre diversas características podemos encontrar a inspiração no origami, planejamento para efetividade de material e estrutura flexível com maior resistência a ventos fortes. Ainda falando em guarda-chuvas, aconteceu recentemente o anúncio do Air Umbrella, um guarda-chuva que protege a pessoa através de fortes jatos de ar, e também está no Kickstarter:

Comparando os dois, vejo no Sa um enorme potencial de desenvolvimento em grande escala a um preço mais acessível do que o Air Umbrella. Isso sem mencionar que o primeiro não precisa de energia para funcionar enquanto o segundo tem duração máxima de trinta minutos.

Como ser inovador e como ser diferente

Qual é mais inovador? Um produto que aproveita o máximo de seus recursos e exige muito pouco para garantir o máximo de proveito? Ou um que tentou seguir um caminho completamente oposto e apelou para uma tecnologia não apenas com inúmeras chances de erro, mas principalmente para uma solução bastante inconveniente?

Vejo a inovação como uma constante oportunidade de tornar-se diferente no mercado. Ao mesmo tempo em que se aperfeiçoa a experiência do consumidor através de uma mudança no produto/serviço. E esse aperfeiçoamento não precisa ser grande, mas sim sutil o suficiente para tornar-se significativo na história. E transformar-se em referência de visão e criatividade.

O que é inovação para você?

Somos o MonkeyBusiness: Estúdio de Motion Design! Produtora de Vídeo, Estúdio de Animação e Agência de Apresentações Criativas. Apaixonados pelo poder de comunicação do Motion Design e especialistas em Apresentações Criativas.

Conte com o MonkeyBusiness. Somos um estúdio de Motion Design completo. Uma Produtora de Vídeo de São Paulo. Um Estúdio de Animação. Uma Agência de Apresentações criativas.

Temos times de atendimento, planejamento, roteiro, direção de arte e motion design especialistas. Todos eles dedicados a criar vídeos, animações e apresentações. Com o objetivo de transformar conteúdo corporativo em audiovisual. Estamos prontos para trabalhar no seu próximo projeto em Motion Design. Seja ele em vídeo, animação ou apresentação. Clique aqui e vamos falar sobre sua próxima animação, vídeo ou apresentação!

MonkeyBusiness: seu estúdio de animação. Produtora de vídeo. E agência de apresentações criativas

Estúdio de animação. Produtora de vídeo. Agência de apresentações criativas com Motion Design. Acreditamos na estratégia, roteiro e motion design para uma comunicação mais eficiente, inteligente e, logicamente, animada. www.monkeybusiness.com.br. Veja mais nos nossos canais do Vimeo e Youtube.



® 2009 MonkeyBusiness LTDA

Estúdio de motion design de São Paulo SP
Produtora Audiovisual / Estúdio de animação / Agência de apresentações profissionais especializados em produção de vídeos, criação de animações e de apresentações criativas

Termos de uso / Privacidade
Fechar
Fechar
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade. Ou entre em contato diretamente pelo e-mail do nosso time de atendimento comercial especialistas em motion design corporativo aqui: contato@monkeybusiness-com-br.umbler.net.
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade.
WhatsApp

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.