MonkeyBusiness
Peça o seu orçamento aqui!

MacGuffin? Red Herring? O belo storytelling de Better Call Saul

Não precisamos dizer o quanto o roteiro de Better Call Saul (e também de Breaking Bad) é genial. E, para quem acompanha o nosso blog aqui da MonkeyBusiness, também não precisamos dizer o quanto nós amamos essa série. Incrivelmente, parece que Better Call Saul superou Breaking Bad. Já superou em número de episódios (o que nos deixa muito felizes) e tudo indica que vai superar também na história. Será? Difícil dizer, mas podemos indicar o bom uso de plot devices como o MacGuffin e/ou o Red Herring, que os Vince Gilligan e Peter Gould sabem usar como ninguém. Aliás, desde as épocas de Breaking bad.

Quem é fã tanto de Breaking Bad como de Better Call Saul certamente notou como a apresentação de objetos sem — aparentemente — nenhuma conexão da história é bastante utilizada para nos manter presos na história. Seja o ursinho de pelúcia na piscina de Walter White, o menino caçando uma aranha no deserto e, mais recentemente, na sexta temporada de Better Call Saul, temos a tampinha de garrafa de tequila, que cai de uma caixa da casa de Saul num futuro próximo. Talvez guardada como um momento importante da sua vida.

Sim! Vince Gilligan e Peter Gould continuam afiadíssimos no uso dos objetos, aparentemente desconexos com a história, mas que nos levam para o final da história com muito mais tensão e dúvidas. No entanto, essa é uma técnica bastante utilizada em roteiros e também no storytelling. Ela pode ser chamada de MacGuffin e/ou o Red Herring. E a dúvida do que ela realmente é o que nos deixa presos na história. Vamos entender melhor o que cada um quer dizer:

As diferenças entre o MacGuffin e o Red Herring

Um MacGuffin, às vezes chamado de McGuffin, é um objeto em um filme que é muito importante para os personagens, mas é inútil isolado. Um exemplo seria a maleta de Pulp Fiction, ou mesmo o Anel de O Senhor dos Anéis. Pense conosco: isoladamente, é apenas uma mala e um anel. Nada demais. Como objetos, eles não fazem muita coisa. Mas movimentam a história devido à sua importância para os personagens. 

Por outro lado temos o Red Herring. Ele é um artifício literário usado para enganar intencionalmente os espectadores, ou dar pistas falsas — distraindo-os do que realmente está acontecendo. Seria uma pista falsa. Um exemplo seria o peão em A Origem, ou o pacote fechado da FedEx em Náufrago. Objetos que parecem nos indicar que seriam importantes para a trama, mas na verdade eram apenas objetos. Uma distração para manter o público atento e se questionando sobre o porquê das suas aparições em tela.

MacGuffin e Red Herring em Better Call Saul

A abertura da 6ª temporada de Better Call Saul nos dá uma dica importante de que Jimmy e Kim não terão final feliz. À medida que a temporada final de Better Call Saul começa, o público ainda não tem ideia de por que Kim Wexler, (Rhea Seehorn), não aparece em Breaking Bad. 

Na cena em que vimos a mansão de Saul Goodman sendo desmontada, vemos diversos objetos que nos remetem ao romance de Jimmy McGill com Kim — as escovas de dentes, a caneca de café amarela, etc. Sem dúvida o mais importante, no entanto, é a rolha de garrafa de tequila. Ela remete à segunda temporada de Better Call Saul, onde Jimmy e Kim fizeram seu primeiro golpe como um par, enganando um empresário e fazendo-o comprar uma garrafa cara de tequila. 

É um golpe bastante inocente, mas importante para o desenvolvimentos dos personagens. Então Kim manteve essa tampa de garrafa pontiagudo como uma lembrança. Tanto que, ao deixar seu trabalho de advogada na 5ª temporada, ela faz questão de recuperar a tampa de garrafa de seu escritório antes de sair. O que nos resta saber agora é se essa tampa de garrafa é um MacGuffin ou um Red Herring. Cada um desses plot devices mudaria completamente o andamento da história!

Somos o MonkeyBusiness: Estúdio de Motion Design! Produtora de Vídeo, Estúdio de Animação e Agência de Apresentações Criativas.

Conte com o MonkeyBusiness. Somos um estúdio de Motion Design completo. Uma Produtora de Vídeo de São Paulo. Um Estúdio de Animação. Uma Agência de Apresentações criativas.

Temos times de atendimento, planejamento, roteiro, direção de arte e motion design especialistas. Todos eles dedicados a criar vídeos, animações e apresentações. Com o objetivo de transformar conteúdo corporativo em audiovisual. Estamos prontos para trabalhar no seu próximo projeto em Motion Design. Seja ele em vídeo, animação ou apresentação. Clique aqui e vamos falar sobre sua próxima animação, vídeo ou apresentação!

MonkeyBusiness: seu estúdio de animação. Produtora de vídeo. E agência de apresentações criativas

Estúdio de animação. Produtora de vídeo. Agência de apresentações criativas com Motion Design. Acreditamos na estratégia, roteiro e motion design para uma comunicação mais eficiente, inteligente e, logicamente, animada. www.monkeybusiness.com.br. Veja mais nos nossos canais do Vimeo e Youtube.



® 2009 MonkeyBusiness LTDA

Estúdio de motion design de São Paulo SP
Produtora Audiovisual / Estúdio de animação / Agência de apresentações profissionais especializados em produção de vídeos, criação de animações e de apresentações criativas

Termos de uso / Privacidade
Fechar
Fechar
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade. Ou entre em contato diretamente pelo e-mail do nosso time de atendimento comercial especialistas em motion design corporativo aqui: contato@monkeybusiness-com-br.umbler.net.
Ao enviar o formulário, eu declaro que estou de acordo com a Política de Privacidade.
WhatsApp

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.